Final da Vida

Jaime Pereira / José Plinio

No posto da esperança
Abasteci meu coração
E na rua da aventura
Eu entrei na contramão

Mesmo assim continuei
Na maior velocidade
E nem vi quando passei
A praça felicidade

Só me lembro que peguei
A estrada da paixão
E na curva do amor
Trombei com a ingratidão

Veio o guincho do desprezo
E tirou-me dessa ilusão
Meu coração virou sucata
No pátio da solidão

Tudo por você, meu bem
Pode se esnobar, minha querida
Só quero ver você escapar
Do triste final da vida

Tudo por você, meu bem
Pode se esnobar, minha querida
Só quero ver você escapar
Do triste final da vida

Curiosidades sobre a música Final da Vida de Cezar e Paulinho

Em quais álbuns a música “Final da Vida” foi lançada por Cezar e Paulinho?
Cezar e Paulinho lançou a música nos álbums “Belezas Do Sertão” em 1978 e “80 Anos de Música Sertaneja” em 2008.
De quem é a composição da música “Final da Vida” de Cezar e Paulinho?
A música “Final da Vida” de Cezar e Paulinho foi composta por Jaime Pereira e José Plinio.

Músicas mais populares de Cezar e Paulinho

Outros artistas de Sertanejo