Deu Crep´s

Ana Mascarenhas

Eu caí, meu dedo torceu
Tu caíste, teu pulso quebrou
Nossa casa quase explodiu
O dinheiro não deu
A conta atrasou
O pintor não pintou
O cão adoeceu
O chuveiro queimou
A conta atrasou
E o dinheiro não deu
E, por fim, eu quase esqueci
No telhado o gato correu
Adivinha? A telha quebrou

E, quando eu fui me deitar, no meu quarto choveu
O que é isso meu filho, mas que pane que deu
Por sorte a gente tem raça, deu a volta por cima e não esmoreceu
Não vão nos vencer, não vão nos ver cair
Continuamos a dançar a ciranda do bem-querer
Só entra na dança quem deseja o bem
Quem deseja o mal, na nossa ciranda não tem vez
Traz meu sal grosso arruda e alecrim
Uma limpeza pesada pra espantar o que é ruim
Traz meu sal grosso arruda e alecrim
Vamos lavar nossa casa e proteger a ti e a mim
Termino essa história cantando
Que é pra ver se esses males espanto!

Músicas mais populares de Xana Gallo

Outros artistas de Indefinido