Mirante

Itamar Bezerra

Automóveis que passam sem parar
O mundo gira sem sair do lugar
Tantas pessoas perdidas na multidão
Cultivando a dor, buscando ilusões

Quantas vezes me perdi
Procurando algo que sempre esteve em mim
Eu não soube ver, eu não soube ouvir

Lágrimas não vão mais, inundar o meu olhar
Hoje descobri, que foi melhor assim
Está tudo bem, quando acaba bem
A vida segue em frente não posso parar

Automóveis que passam sem parar
O mundo gira sem sair do lugar
Tantas pessoas perdidas na multidão
Cultivando a dor, buscando ilusões

Quantas vezes me perdi
Procurando algo que sempre esteve em mim
Eu não soube ver, eu não soube ouvir

Lágrimas não vão mais, inundar o meu olhar
Hoje descobri, que foi melhor assim
Está tudo bem, quando acaba bem
A vida segue em frente não posso parar

Lágrimas não vão mais, inundar o meu olhar
Hoje descobri, que foi melhor assim
Está tudo bem, quando acaba bem
A vida segue em frente não posso parar

Outros artistas de Indefinido