Lá Fora

Vinde a mim
Quando o medo invade o cheiro de jasmim
Caminha pela casa vestindo um cetim
Branco pra fingir que trouxe paz

Mas a memória não esquece
Sua imagem remete a um triste vazio
Forte dor de suar frio
Acostumei com a distância
Consternei em esperança
De te ter aqui
Demorei mas prossegui

E agora
Não vou permitir que volte
Pra me destruir
Lá fora
Jamais estarei sozinho

Mas a memória não esquece
Sua imagem remete a um triste vazio
Forte dor de suar frio
Acostumei com a distância
Consternei em esperança
De te ter aqui
Demorei mas prossegui

E agora (e agora)
Não vou permitir que volte
Pra me destruir
Lá fora (lá fora)
Jamais estarei sozinho (jamais estarei sozinho)

E agora
Não vou permitir que volte
Pra me destruir
Lá fora (lá fora)
Jamais estarei sozinho (jamais estarei sozinho)

Outros artistas de Indefinido