Bom Pastor

Me chamas pelo nome
E você diz: Vem
Vem descansar
À beira das águas tranquilas

Em mim há refrigério
E a verdadeira Paz
Que não há no mundo
Paz que excede o seu pensar

Olha para mim
Eu sou teu Bom Pastor
E nada te faltará
E nada te faltará
Olha para mim
Eu sou teu Bom Pastor
E nada te faltará
E nada te faltará

Estou contigo
E não há o que ter medo
Eu sou teu Bom Pastor
Eu morri a sua morte
E te dei a minha vida
Eu sou teu Bom Pastor
Eu sou teu Bom Pastor

Te chamo pelo nome
E você diz: Eu vou
Vou descansar
À beira das águas tranquilas

Em Ti há refrigério
E a verdadeira Paz
Que não há no mundo
Paz que excede o meu pensar

Olho para Ti
Tu és meu Bom Pastor
E nada me faltará
E nada me faltará
Olho para Ti
Tu és meu Bom Pastor
E nada me faltará
E nada me faltará

Estás comigo
E não há o que ter medo
Jesus, meu Bom Pastor
Morreu a minha morte
E me deu a Sua vida
Jesus, meu Bom Pastor
Jesus, meu Bom Pastor

Outros artistas de Indefinido