Outra

Mauro Marques / Raphael Madruga

Outra mulher,
que ainda me quer ou me quiser
desse jeito louco, que eu sou
vou procurar, em outro lugar
já nem sei o que restou

e nem me interessa saber
é dor de morrer
te querer e não poder 2X

ahh tanto faz, quero mais te esquecer

Não, nunca mais
quero um outro cais
esse teu querer dispedaça
não quero mais
não não, nunca mais
esse teu veneno é desgraça

Não quero mais
quero outro cais
esse teu querer despedaça
não, quero mais, não nunca mais
esse teu veneno é desgraça

Solo

Outra mulher,
que ainda me quer ou me quiser
desse jeito louco, que eu sou
vou procurar, em outro lugar
já nem sei o que restou

e nem me interessa saber
é dor de morrer
te querer e não poder 2X

ahh tanto faz, quero mais te esquecer

Não, nunca mais
quero um outro cais
esse teu querer dispedaça
não quero mais
não não, nunca mais
esse teu veneno é desgraça

Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu
Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu
Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu
Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu (louca quanto eu)
Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu (louca, quanto eu)
Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu (seja, tão louca quanto eu)
Quem sabe a outra seja tão louca quanto eu (quem sabe a outra seja tão louca)
Quem sabe a outra seja tão louca (quem sabe a outra)

Outros artistas de Indefinido