Autor da Vida

I
Na estrada de Naim uma mãe triste a chorar, um cortejo um velório a tristeza estava lá, o motivo era um jovem que a morte o ceifou a esperança de sua mãe está vida se acabou.
Mas ao encontro do cortejo vinha o Autor da Vida dizendo: "Mulher não chores a esperança não está perdida". E Jesus tocando o morto ordenou a levantar pra alegria de sua mãe o Autor da Vida estava lá.

Coro

Aonde Ele chega cocho se levanta até o cego vê, mudo fala, canta grande é o seu poder, quem está perdido encontra a saída.
Aonde Ele chega tira e manda embora tudo o que não presta, faz até velório transformar-se em festa seu nome é Jesus o Autor da Vida.
3x no Final

II
Mas ao encontro do cortejo vinha o Autor da Vida dizendo: "Mulher não chores a esperança não está perdida". E Jesus tocando o morto ordenou a levantar pra alegria de sua mãe o Autor da Vida estava lá.

2x o Coro no Final

Músicas mais populares de Eli Salustiano

Outros artistas de Indefinido