Afrodite

Hey linda... bandida do prazer
Granfina... dose pra me entorpecer
Minha deusa Afrodite
Ela é gostosa e tem requinte
Na vibe eu fico zen
Contigo vou mais além

Sol, força divina maior
Amanhece e entardece, sempre só
Céu colorido, num olhar apaixonado
Um casal de pássaros, ensolarados
Liberdade é opção de viver
Dois corações, brinda eu e você
Assistindo a alvorada prometida, linda
Sorria, eu te amo todo dia
O mundo louco fez você pra mim
Eu nasci sozinho, o jogo é assim
Jogue o jogo eu tenho sorte amor
Aproveita linda, o sol raiou
Ginga com class nesse beat bom
Rebola mexe e escuta esse som
Olha pra mim e trama com dom
Seu corpo escultural, o clima é dubom
Madrugada louca de prazer
Gostosa, sexy, o mais lindo amanhecer
Praia do amor, amor pela praia
O sol te aquece, top less marca

E eu nem sei o nome dela
Naipe estrela de novela
Com segundas intenções
Sem neurose é a mais bela
De rolê pela favela
Maltrata corações

Difícil é disfarçar o meu desejo
Me dá até calafrio quando eu lembro do seu beijo
Nós dois na praia vazia, noite escura
À luz da lua
O sol já traz o dia
Assim a vida continua
Mas algo já ficou marcado
Escrito nas estrelas
Sois caminhos já traçados
Um destino, lado a lado
Nessa luta só eu e você
Tem mil barreiras pela frente
São bem mais fracas que a gente
E o amor vai vencer
Inspirado nesse seu sorriso
Vou bem mais além em rumo ao paraíso
É com você que eu esqueço o mal do mundo
E que ainda existe luz no poço mais profundo

Tempo full, sentido costa sul
Na brisa a 100 por hora, sua beleza é incomum
Não é pra qualquer um
Desfila de biquíni, que as bad se elimine
Contemplo a luz do dia admirando o teu swing
Ela é joia lapidada, no brilho da vitrine
Pedra encantada que atiça os maiores crimes
Um gole doce dose brinda a nossa liberdade
Seu charme é psicose pelas luzes da cidade
Suspiro pelas curvas do seu corpo
Prazer que me vicia, fico louco
Entre quatro paredes, vendo cê rebolar
O clima é envolvente, não há como negar
Bandida, fria e decidida
Bendita Flor de Lótus, com uma mente suicida
Nega, deixou o vagabundo em descompasso
E não há lugar melhor que o aconchego do teu braço

Outros artistas de Indefinido