Fui Homem Demais

Zezé Di Camargo

Eu já sofri, já chorei
Revirei minha vida
Tentei achar a saída
Tirar do peito a paixão

Eu já vazei pelas noites
Em busca de abrigo
Dei murros de ódio, já briguei comigo
Já magoei meu coração

Eu já feri meu amor
Sufoquei sentimento
Já sufoquei sofrimento
Fui homem demais

Eu já andei pelas ruas
Perdido no tempo
Confuso, arrasado, ferido por dentro
Me machuquei, amei demais

O que eu senti por você
Foi amor foi ternura
Foi um pouco de tudo
Foi a doce loucura
O desejo maior que eu já suportei

O que eu sofri por você
Foi horrível saudade
Paixão violenta, infelicidade
Foi a barra pesada que eu não segurei
Que eu não segurei


Eu já feri meu amor
Sufoquei sentimento
Já sufoquei sofrimento
Fui homem demais

Eu já andei pelas ruas
Perdido no tempo
Confuso, arrasado, ferido por dentro
Me machuquei, amei demais

O que eu senti por você
Foi amor foi ternura
Foi um pouco de tudo
Foi a doce loucura
O desejo maior que eu já suportei

O que eu sofri por você
Foi horrível saudade
Paixão violenta, infelicidade
Foi a barra pesada que eu não segurei
Que eu não segurei

Curiosidades sobre a música Fui Homem Demais de Althair e Alexandre

Quando a música “Fui Homem Demais” foi lançada por Althair e Alexandre?
A música Fui Homem Demais foi lançada em 1991, no álbum “Rosas e Versos”.
De quem é a composição da música “Fui Homem Demais” de Althair e Alexandre?
A música “Fui Homem Demais” de Althair e Alexandre foi composta por Zezé Di Camargo.

Músicas mais populares de Althair e Alexandre

Outros artistas de Sertanejo